15 de agosto de 2013

FESTIVAIS BUÉ

Foto sugerida por Manel Portugal aka Bones

Este Verão há uma coisa que me está a tirar do sério: os festivais de música e o público quinceañero. Os miúdos vão aos festivais com os amigos para se divertirem, até aqui tudo bem, mas daí a nem sequer saberem quais são as bandas que estão a ver, já é outra história. No final dos concertos os repórteres passeiam entre a audiência e tentam ter um feedback do público, mas quando perguntam se gostaram do concerto a única resposta que se ouve é "EEEEEEH, mãe estou aqui, YEAAAH viva a bubida" e coisas do género. Aqueles miúdos nem sabem quem é que acabou de tocar, não sabem se foi a Barbra Streisand, o Michael Bolton, o Michael Jordan ou o Pete Townshend, e isto faz-me uma certa confusão.   Quando eu tinha quinze anos e queria ver um concerto eu sabia exactamente ao que ia, sabia qual era a banda, sabia o provável alinhamento do concerto, sabia as letras das músicas, sabia quem é que na banda namorava com quem e quem é que estava chateado com quem, sabia o nome dos músicos e que instrumentos tocavam, sabia quantas guitarras tinham, era uma questão de culto, e tudo aquilo me dava verdadeiro prazer. Agora o público dos festivais compra o bilhete para entornar bujas e curtir, sinceramente eu não entendo, para isso façam festas na garagem da avó. Isto tudo só leva a uma descida de qualidade dos festivais porque o promotor pensa assim: "Ora bem, para estes gajos é igual contratar uma banda de milhares ou contratar um DJeizeco por meia dúzia de tostões portanto...vamos produzir cash!". Santa ignorância. Enerva-me. Mas a sério.

Sem comentários:

Enviar um comentário