4 de janeiro de 2014

PRIMEIRO LIVRO DO ANO


Não sei o que é que estou aqui a fazer. São 23h49 e tenho 60 páginas para paginar esta noite. Mas tenho tantas saudades de blogar que não aguentei - é coisa rápida. Só para actualizar a secção dos livros: 2013 foi o ano em que li menos livros na vida desde que aprendi a ler, por isso em 2014 tenho que ler o dobro. Um dos bons foi "A Tragédia da Rua das Flores", que me ofereceu um amigo, depois de um lanche na Rua das Flores. Também gostei da "Gabriela Cravo e Canela"… curiosamente não me lembro de quase mais nada. Ah, li "A Million Little Pieces" (fortíssimo) e consegui ler o meu segundo do António Lobo Antunes, que foi o "Auto dos Danados". Fiquei orgulhosa.
Este livro é do Manel. Ele é que o está a ler. Mas eu decidi lê-lo também, por isso aproveito as saidas do Manel para ler furtivamente algumas páginas e até já passei a marca dele (ihihih). Do Valter Hugo Mãe li "A Máquina de Fazer Espanhóis" e apesar da história não me seduzir muito, achei que ele escreve de forma excepcional por isso estou entusiasmada. 
São 00h01 e eu continuo a ter 60 páginas para paginar. Vou começar agora, em conta relógio.


1 comentário: