24 de setembro de 2014

DOR DE CABEÇA AO CONTRÁRIO

Cosmos, alinhamentos planetários, cartas astrais desta vida: permitam-me não gostar dos livros que todos gostam. Não gostar dos sapatos que todos gostam. Não querer seguir a moda que todos seguem. Não ler os blogs que todos lêem. Não ter a atitude arrogante que muitos precisam de ter. Não ter a opinião que é correcto ter. Não ter os dentes certinhos como é suposto ter. Não ter a pele branquinha que é bonito ter. Permitam-me usar o meu totó desalinhado e não querer saber disso para nada. Ter um blog que não fala só de perfumes ou só de filhos ou só de cultura ou só de críticas e nem sequer calcula as visitas. Permitam-me não ser previsível nem oca de espírito. Permitam-me não ser cinzenta, apesar de até gostar de cinzento. Permitam-me que turbilhões de ideias fora de tabelas me atropelem e me deixem a pensar. Podia continuar nisto, mas felizmente não tenho tempo.

Sem comentários:

Enviar um comentário