13 de dezembro de 2014

NADA DIVERTIDO


Hoje lembrei-me daquela música dos Dire Straits, so far away from me, so far I just can't see, you're so far away from me. Assim está o Natal para mim. Prendas compradas - 0 Árvores, decorações, musgo, etc. e tal - 0 Listas de presentes - 0. Vontade de ir a lojas ou a centros comerciais - 0. Ainda assim, vi esta imagem no blog A Beautifull Mess, com dicas giras para fazer embrulhos e decorações e senti-me 4% inspirada, o que é muito pouco para o nível destas ideias. Depois vi fotografias de pessoas-estrangeiras-sem-meias-e-de-t-shirt-nas-suas-casas quentes-de-inverno e tive que desligar, foi demais para mim. Quando é que portugueses vão ter casas quentes na estação fria? Quandoooo?

Pronto já tive o meu momento do dia de dizer mal da vida. Isto está-se a passar porque estou trancada em casa há uma semana com a punk Zola. Ela tem febre, está cheia de pieira e não consegue respirar. O cenário tem sido pouco mais que máscaras de Ventilan, termómetros, Benurons, comida pré cozinhada e coisas assim. E nem por isso ela está menos punk, porque pede para ir para a escola todos os dias e grita: "Booooora mamã!". Eu sim, estou cada vez menos punk. Preciso tanto de ar puro.


3 comentários:

  1. Caaaaaalma... que passe depressa! Beijinhos :-)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada =S O frasquinho de Paciência que comprei na farmácia está a acabar.

      Eliminar