27 de fevereiro de 2015

AGUENTA MAMÃ!


Não está aqui em causa o uso de silicone. Esta é a música que me vem à cabeça quando estou com a punk Zola à mesa e estamos a comer azeitonas. Ela gosta muito, está super fã de azeitonas e durante a semana houve treinos intensivos para aprender a dizer a-zei-tona. Mas sai "peitona". Já não bastava a vergonha pública cada vez que diz pacagaio na rua (soa a asneirão), agora temos o drama da peitona.


2 comentários:

  1. Eu bem tento que a Bolachita diga uma palavra. Uma única palavra que seja. E não sou difícil nem exigente. Só queria que ela dissesse uma palavra perceptível. Mas nada. Teima em falar na língua dela. Mistura estranha de chinês e russo. Uma chata, é o que ela é.

    'peitona' é muito bom, tens de convir... ;)

    ResponderEliminar
  2. Mas a Bolachita é mais pequenina. Por aqui só começamos a ouvir as primeiras palavras há uns 4 ou 5 meses. Agora todo o cuidado é pouco, qualquer palavra ouvida é repetida. =S

    ResponderEliminar